sábado, 28 de dezembro de 2013

PRODUÇÕES DE TEXTOS DAS CRIANÇAS DE 1º ANO/2013. CRIANÇAS AUTORAS DE SUAS HISTÓRIAS.

A História do Desenho
( crianças autoras de suas histórias)

As crianças criaram uma história coletiva e depois entreguei uma folha para desenharem e escreverem a história do seu desenho. Algumas fizeram a atividade de forma autônoma. Com outras, fui passando nos grupos e auxiliando nas dúvidas de escrita e estrutura do texto. Também pedi aos alunos alfabéticos e autônomos que ajudassem alguns alunos.




















quarta-feira, 20 de novembro de 2013

PROJETO VINICIUS DE MORAES . TURMA DE 1ºANO/2013.

 

Escola Municipal Professor André Trouche
Professora : Karla Cristina Carrozzino Gaudencio
Turma: GR1A ( 1º ano do ensino fundamental)
Ano: 2013
 
 
 
 
 
 
 
Título do Projeto:    Vinicius de Moraes

Justificativa:  O conhecimento sobre a vida e obra de  Vinicius de Moraes é uma das justificativas do projeto, ampliando a cultura e letramento dos alunos, lembrando que é o ano das comemorações do centenário do poeta e , portanto  este está sendo muito divulgado nos meios de comunicação.  Como é  uma turma de alunos de seis anos de idade, serão enfatizadas as poesias infantis que Vinicius escreveu, pois são lúdicas e próprias para o ano de escolaridade.  As poesias foram musicadas  e tornam o ensino mais prazeroso. O interesse das crianças pelos animais citados  nas poesias e outros  temas como  " A Casa", possibilita a abordagem dos conteúdos  de  forma interdisciplinar, trabalhando-se  a aquisição do sistema de escrita alfabética juntamemente com as áreas do conhecimento natural, social, matemático e  artístico (  artes plásticas, música, teatro e dança). Ao se trabalhar conjuntamente a aquisição do sistema de escrita com outras áreas do conhecimento , incluem-se vários gêneros textuais, possibilitando a alfabetização em um contexto de letramento , enfocando-se a escrita com a sua função social e portanto significativa para as crianças.
 
 
  • Recorte  temático:   animais, a  casa, bairro e a família.
 
  • Temas  transversais: meio ambiente, cultura, multiculturalismo e cidadania.
 

  • Objetivos:
  • Avançar na aquisição do sistema de escrita alfabética , relacionando grafema/fonema, ao escrever palavras, adequando as atividades aos níveis de escrita dos alunos. Utilizar palavras com sílabas canônicas e não canônicas.
  • Avançar para escrita de palavras  com  sílabas não canônicas, possibilitando as crianças avançarem para o nível alfabético - ortográfico.
  • Conhecer  vários gêneros textuais, suas características e seus suportes. ( poesias, textos informativos, narrativas,  cartas, bilhetes, receitas, lista de compras, etc.)
  • Produzir frases e  textos.
  • Saber distribuir espacialmente o texto  e a  a orientação da frase.
  • Favorecer o gosto pela leitura e o avanço nos níveis de leitura, até lerem com fluência e compreensão
  • Conhecer alguns animais : seu habitat, classificação, forma de nascimento, alimentação, cuidados que devemos ter com os animais, preservação do ambiente que vivem, conhecer animais em extinção e suas causas, etc.
  • Conhecer a sua casa: localização (endereço, cômodos da casa, diversos tipos de moradias, problemas sociais devido a moradias em locais inapropriados. sem saneamento básico, etc .  Relatar a composição de sua famíla, saber que existem  diversos tipos de famílias, conhecer a árvore genealógica e a origem do sobrenome, etc.
  • Relacionar quantidade/numeral, realizar adições e subtrações simples, situações problemas,  conhecer o sistema de numeração decimal grupos de 10 em 10  até 100. Formas geométricas, tabelas, gráficos, formas geométricas  e sólidos geométricos, dúzia,  ideia de metade, dobro, , medidas ( calendário, hora, medida de capacidade, explorando estimativas e rótulos), sistema monetário, explorando situações que envolvem troco.

Metodologia:

  O processo de alfabetização inicia-se pelos nomes próprios, pois torna o processo de aquisição da escrita alfabética mais rápido , por ser algo significativo e portanto mais fácil de memorizar. São realizadas atividades na rodinha de reconhecimento global dos nomes, das letras iniciais e finais e percepção das diferenças e semelhanças entre os nomes. Em concomitância às atividades com os nomes , são trabalhadas atividades com o alfabeto mostrando que este é dividido em letras que são chamadas de vogais e consoantes, conforme as funções destas letras na sílaba que compõem a palavra. São destacadas as vogais ,  trabalhando-se os sons iniciais destas nas palavras, assim como a função das vogais nas sílabas ( toda sílaba tem vogal e sem esta a consoante não tem som). São realizadas atividades na rodinha e em folhas . As crianças começam a perceber o significado de sílaba, contando nos dedos quantas sílabas tem o seu nome e dos colegas. São realizadas atividades para completar com a letra e sílaba inicial dos nomes dos colegas, organizar as letras dos nomes, tendo o telhadinho como suporte, copiar os nomes de meninas e meninos, escrever de forma memorizada os nomes dos colegas, agrupar nomes que começam com a mesma letra, contar número de letras e sílabas dos nomes dos colegas,etc. As crianças conhecem um pouco da história da escrita, percebendo a necessidade do ser humano  de  registrar a linguagem, desde a pré-história até os dias atuais realizando atividades de leitura de textos informativos junto com a professora, pesquisas, produção de texto coletivo e de artes com pinturas rupestres do período da pré-história. Percebem que existem muitas outras formas de linguagem e expressão desta , que já sabem ler muitas coisas, como : imagens, símbolos e rótulos, Realizam atividades com pesquisas de rótulos e imagens que sabem ler, além de atividades em folhas. É necessário que as crianças conheçam todas as letras do alfabeto e comecem a relacionar o som das consoantes iniciais nas palavras, por isso, é mostrado e falado em interação com as crianças o alfabeto da sala de forma constante, além de atividades em folhas para relacionar o som das consoantes iniciais das palavras.  As crianças confeccionam um alfabeto com nomes próprios e outro de acordo com o tema trabalhado na sala. São realizados pequenos projetos com temas das áreas do conhecimento social e natural (o corpo, alimentos saudáveis, a escola, etc.) e que são do interesse dos alunos, nestes são realizadas atividades de forma interdisciplinar que trabalham a apropriação do sistema de escrita alfabética com palavras do campo semântico estudado, tais como: relacionar fonema/grafema dos sons das letras iniciais dos nomes dos objetos de higiene , completar palavras com as letras que faltam em nomes das partes do corpo, escrever conforme as hipóteses de escrita os nomes de frutas, etc. Depois dessas atividades as crianças começam a avançar rapidamente em suas hipóteses de escrita, pois conheceram todas as letras do alfabeto, além de realizar a relação fonema /grafema destas letras , tendo assim suportes para construirem a escrita e em maio avançam para níveis silábicos (com consciência sonora de vogais ou consoantes) e silábico-alfabéticos, porém é necessário sistematizarmos esse conhecimento, enfatizando o som de cada consoante e as sílabas inicias nas palavras. As crianças ditam palavras que começam com o som da mesma letra (lista de palavras), destacando-se em vermelho a letra e sílaba incial. As sílabas nunca são trabalhadas de forma isolada, mas destacadas a partir da palavra. Elas percebem o que é sílaba, sabendo que cada vez que abrimos a boca sai uma sílaba ( pedacinho) . Realizam atividades em que percebem o som da letra inicial que foi destacada do alfabeto . Outras em que destacam das palavras as sílabas iniciais, escrevendo e lendo estas e descobrindo o grupo silábico da letra , são realizadas atividades de escrita de palavras como, auto-ditados e cruzadinhas, de leitura de palavras em atividades para ler e desenhar ou ler no caça-palavras. Atividades de produção e leitura de textos coletivos , escritas e leituras individuais de frases ou pequenos textos sobre o tema estudado.
  A sequência das letras ( fonemas) , podem ser trabalhadas de acordo com o projeto escolhido ou conforme a turma e a professora combinarem. Em cada letra do alfabeto conversam sobre uma figura relacionada e as crianças fazem pesquisas para aprofundar o conhecimento, além de outras atividades pedagógicas relacionadas aos temas do conhecimento natural ,social e matemático. Nestas atividades as crianças fazem listas de animais mamíferos, aves, tipos de casas, trabalhando-se todos os fonemas , escrevendo-se palavras com sílabas simples e complexas. As crianças ditam as palavras e a professora escreve no cartaz ou chama as crianças para escreverem, depois intervém nas hipóteses dessas. Nas atividades individuais as crianças desenham animais mamíferos, por exemplo, e escrevem de forma espontânea , tendo a intervenção da professora na hipótese do aluno de acordo com cada nível ou se a atividade não for diagnóstica . A apropriação do sistema de escrita , ocorre em um ambiente de letramento em que as crianças percebem a função social da escrita. São trabalhados vários gêneros textuais e seus suportes, tais como: poesias, textos de pesquisa(informativos), histórias ( narrativas), bilhetes , etc. As atividades estão também sempre relacionadas às artes ( plástica, música, dramatização e dança), tornando a alfabetização mais lúdica e prazerosa, além de ampliar o conhecimento cultural das crianças.
    As atividades com sílabas que não são iniciais são apropriadas aos alunos de níveis silábico-alfabético e alfabético. As crianças que estão nos níveis pré -silábico e silábico terão dificuldades em realizar atividades que se referem as sílabas que não são iniciais, principalmente àquelas de juntar as sílabas e formar palavras, no entanto podem realizar as atividades em que percebem o som da primeira letra e escrever esta abaixo do desenho. A sílaba inicial é percebida através do som da letra inicial. Os pré-silábicos irão aos poucos percebendo que cada vez que abrimos a boca sai uma sílaba da boca, e avançam para o nível silábico, só que a sílaba para eles representa uma letra . Para os alunos silábicos, proponho atividades para completar a palavra com a letra inicial , à fim de que relacionem fonema/grafema de vogais e principalmente de consoantes, pois as crianças apresentam mais dificuldades em perceber o som destas. Também são propostas outras atividades, como: trocar as vogais na sílaba transformando a palavra, contar o nº de letras e sílabas, pedir que lêem o que escreveram e colocar tracinhos para completarem com a letra que está faltando na palavra . Estes procedimentos interferem na hipótese silábica desses alunos , promovendo o avanço para os níveis silábico-alfabético e alfabético. Atividades com letras móveis são apropriadas para os alunos com hipóteses iniciais de escrita ( pré-silábicos e silábicos).
  Apesar dessas atividades sistematizarem o grupo silábico de determinada letra , este não é fruto de memorização , mas de idéias construídas logicamente pelas crianças que avançam em seus níveis de escrita, nos quais a intervenção da professora na lógica de pensamento dos alunos os fazem mudar as suas hipóteses iniciais sobre a escrita. Não são apresentadas somente as sílabas simples, mas as complexas também , que são reforçadas à partir do mês de agosto ou setembro. As atividades com chamadinha e nomes dos alunos não são realizadas somente no início do ano.
  Quanto a letra cursiva, as crianças passam a escrever com estas quando avançam para o nível alfabético de escrita. Isto não quer dizer que as crianças não são apresentadas a esta. São apresentadas aos quatro tipos de letras, só não são obrigadas a escrever com a cursiva.
  Esse ano foram escolhidas algumas poesias de Vinicius de Moraes do CD Arca de Noé. Em cada poesia foram trabalhadas as áreas do conhecimento natural , social, matemático e artístico. As crianças fizeram pesquisas sobre a vida e obra de Vinicius de Moraes, assim como, os animais, a casa , o endereço (localização), o bairro, a família, a árvore genealógica, o sobrenome, etc. Foram trabalhados vários gêneros textuais, como: poesias, textos informativos, narrativas,etc.
 
 
 
A seguir um pequeno texto sobre a utilização da letra de forma na alfabetização

















 
Na alfabetização , a letra de forma é ensinada primeiro que a cursiva
  É importante entender porque a criança aprende primeiramente a letrinha de forma e não a cursiva e não simplesmente ensinar só porque a maioria faz assim e dá certo! Realmente, dá certo, mas há uma explicação do motivo pelo qual essa maneira é a melhor!

  A criança está desenvolvendo a motricidade na fase da alfabetização e a letra do tipo bastão é mais fácil para se adequar neste momento. Os rabiscos começam a se endireitar e formar letras.

   As letras de forma são ideais para esta fase, pois os caracteres são individuais e podem ser escritos um após o outro. Os traços são resumidos a pauzinhos aglomerados uns nos outros. Já as letras cursivas exigem uma agilidade maior, uma vez que, além de outras finalidades, são utilizadas para tornar o registro mais rápido.

   O traçado simples das letras de forma dão maior liberdade no ato da escrita, ao contrário das “letras de mão” que precisam de uma organização maior. O ato de ligar uma letra a outra também dificulta o processo, pois anula a ação de tirar o lápis do papel e investir as forças na próxima letra, o que ordena um esforço motor maior.

  Além disso, antes mesmo de serem alfabetizadas, as crianças já possuem contato com as letras de imprensa em jornais, na televisão, em livros, gibis. Elas não conseguem ler, mas fica na memória visual das mesmas.

  Logo, a percepção da letra de forma é mais rápida e fácil do que da letra cursiva. No entanto, é importante trabalhar com esta última, assim que o infante se habituar à primeira. Não há problemas se as duas formas coexistirem por um tempo, porque independente da letra o que deve sempre estar em foco é a escrita. Pois mais importante do que a letra que a criança escolhe, é a compreensão da escrita como um ato de comunicação.

Por Sabrina Vilarinho

Graduada em Letras

 
  • Livros literários e outros: pesquisas em livros , revistas, internet. Leitura de vários livros de histórias  quase todos os dias no início da aula e levar um livro para casa  a fim de fazer a atividade do bornal, o qual ,  os pais  ou a criança lê , depois esta faz um desenho da parte que mais gostou e escreve, se não souber escrever os pais escrevem. A leitura de livros de história pode ter ou não  relação com o projeto. Ex:O Patinho Feio, Cada Animal Tem sua Cauda, Aves, etc.
  •  
  •  Ações previstas:  ( visitas externas, leituras, atividades, etc.): Visita ao Jardim Zoológico para ver os animais e ler as placas com as informações sobre  os vários animais estudados no projeto.
Recursos Necessários: papel A4 e A3, canetinhas, lápis de cera, cartolinas, papel 40kg, tinta guache, pincéis, lã.
 
Culminância  do projeto/ Produto final Livro com as poesias e atividades interdisciplinares do projeto, cartazes com as dobraduras de animais, poesias e textos informativos das pesquisas feitas.
 
Apresentação na ciranda da leitura: Leitura de poesias e textos informativos, apresentação musical com as músicas de Vinicius de Moraes. Irão utilizar máscaras de animais e roupa branca.
 
Avaliação do projeto: As crianças fizeram a avaliação e descobriram muito sobre Vinicius , os animais , a casa e a família, demostrando esse conhecimento em seus relatos finais. Gostaram muito do projeto e em uma turma de vinte alunos , a maioria terminou o ano no nível alfabético, dois silábico-alfabéticos e três em níveis iniciais ( dois silábicos com consciência sonora de vogais e um pré-silábico). Muitos terminaram o ano lendo de forma fluente e outros silabando.
 


PROJETO VINICIUS DE MORAES ( POESIAS INFANTIS)
ATIVIDADES PEDAGÓGICAS
POESIA: AS BORBOLETAS
 LETRA  "B"



LEITURA JUNTO COM A PROFESSORA. LEITURA INDIVIDUAL. DESTAQUE DA PALAVRA BORBOLETA. ATIVIDADE COM RIMAS . CONVERSA SOBRE A POESIA ESTRUTURA DO TEXTO POÉTICO.




 
 
BIOGRAFIA DE VINICIUS DE MORAES
PESQUISA PARA CASA E RELATOS NA RODA. REGISTRO DOS RELATOS.


QUEM FOI VINICIUS DE MORAES , O AUTOR DA POESIA "AS BORBOLETAS?

 
 
 
 
 
 
 
 
 

ATIVIDADES DE AQUIISIÇÃO DO SISTEMA DE ESCRITA ALFABÉTICA


 
 

 
 

 
Criação de poesia  : "As Borboletas"
 
 
Texto informativo . Registro dos relatos dos alunos após a pesquisa sobre a borboleta e vídeo na  sala de multimeios
 
Pesquisa individual de um aluno ( produção de texto)
 
Representação das fases da metamorfose  com desenho e escrita.
 
Classificação dos animais em insetos . Escrita espontânea.
 
Produção de texto. Os textos foram feitos tempos depois com o avanço na aquisição da escrita alfabética. São dos alunos e algumas a palavras foram revisadas e aprendidas durante o processo de produção textual. Os alunos já estavam no nível alfabético.
 
 








 
 
 
 
 POESIA: "A CASA"

LETRA   "C"











 
 


 
Dobradura da casa , divisão em cômodos e escrita  espontânea do que há em cada um. Associação cômodos x móveis


















 
 
 
Pesquisa sobre o endereço de casa e apresentação na roda

 
 
 
 
 
 
 
Pesquisa , desenho e escrit de diferentes tipos de moradias. Conversamos sobre os problemas sociais sobre falta de moradias , problemas de saneamento básico e casas locais perigosos.
 
 

 
 
.
 
 
 Atividades sobre aquisição da escrita alfabética
 
 
 
 
 


 

 


 


 

 
 

ADIÇÕES


 
POESIA: "A FOCA"
 
 
TEXTO INFORMATIVO SOBRE A FOCA. O QUE SABEMOS?
 
 
TEXTO INFORMATIVO SOBRE A FOCA. O QUE DESCOBRIMOS?
 
 
 
 
CRIAÇÃO DE POESIA SOBRE A FOCA
A FOCA  BRINCALHONA
É MUITO ATRAPALHONA
MAS TAMBÉM É MINHA AMIGONA
 
ELA GOSTA DE COMER SARDINHA
PARA ENCHER SUA BARRIGUINHA
 
ELA FICA FELIZ
COM A BOLA NO NARIZ
 
 
AUTORA: MARIA KAUNE
 


TEXTO COLETIVO E INFORMATIVO SOBRE  ANIMAIS EM EXTINÇÃO E PRESERVAÇÃO AMBIENTAL
 
 
 
 
DOBRADURA DA FOCA
 

 
 
 
 
LEITURA DA POESIA
 
 
 
SITUAÇÕES PROBLEMAS
 
ATIVIDADES DE AQUISIÇÃO DA ESCRITA ALFABÉTICA
RELAÇÃO FONEMA/GRAFEMA
 
 
ESCRITA DE PALAVRAS
 
 
LEITURA DE PALAVRAS
 
PRODUÇÃO DE TEXTO OU FRASE.
 
 
CLASSIFICAÇÃO DE QUE ANIMAIS VIVEM NA NEVE E ESCRITA CONFORME HIPÓTESE DE ESCRITA.
 
CLASSIFICAÇÃO DE ANIMAIS MAMÍFEROS E ESCRITA DE ACORDO COM A HIPÓTESE DESTA.
 
 
 
POESIA: " GATO"
 
 
 
 
DOBRADURA DO GATO
 


 
 
LEITURA E ATIVIDADE COM RIMAS. ESCRITA DE PALAVRAS QUE COMEÇAM COM "G".
 
 
ATIVIDADES DE AQUISIÇÃO DA ESCRITA ALFABÉTICA. RELAÇÃO FONEMA GRAFEMA. PALAVRAS QUE COMEÇAM COM O SOM "G"
 
LEITURA DE PALAVRAS
 
 
ESCRITA DE PALAVRAS

 
 
PRODUÇÃO DE TEXTO INFORMATIVO
 

OPERAÇÕES  MATEMÁTICAS SIMPLES DE ADIÇÃO
 
CLASSIFICAÇÃO DE ANIMAIS DOMÉSTISCOS E ESCRITA CONFORME HIPÓTESE DESTA.
 
 
POESIA: O LEÃO
 
 
 
 
 
TEXTO COLETIVO E INFORMATIVO.
 
 
ATIVIDADE DE ARTES E PRODUÇÃO DE TEXTO INFORMATIVO.
 
 
ESCRITA DAS PARTES DO CORPO
 
 
CLASSIFICAÇÃO DE ANIMAIS SELVAGENS E ESCRITA ESPONTÂNEA.
 
 
LEITURA DA POESIA COM A PROFESSORA E CANTAR A MÚSICA
 


OPERAÇÕES MATEMÁTICAS SIMPLES DE SUBTRAÇÃO
 
ATIVIDADES DE AQUISIÇÃO DA ESCRITA ALFABÉTICA . RELAÇÃO GRAFEMA FONEMA. PALAVRAS QUE COMEÇAM COM A LETRA "L".




PROBLEMAS E CONTAS DE SUBTRAÇÃO
 
 
ATIVIDADE DE  ESCRITA DE SÍLABAS  E LEITURA DE FRASES.
 
 
 
LEITURA DE PALAVRAS E ESCRITA DESSAS NA CRUZADINHA
 
 
POESIA : O PATO
 
 
 
 
TEXTO COLETIVO E INFORMATIVO
 
 
 
LEITURA COLETIVA E INDIVIDUAL. CANTAR A MÚSICA.
 
 
















ATIVIDADE COM LEITURA E RIMAS

 
 
 

AMPLIAÇÃO DO SISTEMA DE NUMERAÇÃO DECIMAL. REPRESENTAÇÃO COM MATERIAL DOURADO.
 


 
 
 
 
 
DOBRADURA DO PATO E PRODUÇÃO DE TEXTO INFORMATIVO
 
 
 
 
CLASSIFICAÇÃO DE ANIMAIS EM AVES. ESCRITA CONFORME A HIPÓTESE DESTA.
 
 


 
ATIVIDADES DE AQUISIÇÃO DA ESCRITA ALFABÉTICA. RELAÇÃO GRAFEMA/FONEMA. PALAVRAS QUE COMEÇAM COM O SOM "P".
 
 
 
CRUZADINHA LETRA P( ESCRITA DE PALAVRAS)
 
 
LEITURA DE PALAVRAS


 
 
AMAPLIAÇÃO DO SISTEMA DE NUMERAÇÃO DECIMAL. CONTAR DE 10 EM 10. NA SALA UTILIZAMOS O MATERIAL DOURADO E CONTAMOS ATÉ 100, FORMANDO A PLACA  = 1 CENTENA= 100 UNIDADES


FOTOS
( As fotos foram autorizadas)
 
Cantinho de leitura


 
 
 
ATIVIDADE DE DESENHO, RECORTE E COLAGEM PARA A CAPA DO PROJETO VINICIUS DE MORAES

 


 





 



 
 


 


 
 
 
 
 

 


 




 


 

SAINDO PARA O PASSEIO AO ZÔOLÓGICO
 


JARDIM   ZÔOLÓGICO

 
 

 

 


 
 
 


 


COBRA

IGUANA
 
 



O URSO
 
 
LEITURA DE PLACAS COM AS INFORMAÇÕES SOBRE OS ANIMAIS.
 


A  RAPOSA

O LEÃO
 
 
 

 
O TIGRE
 
 
 
 
 


 
O AVESTRUZ
 
 


 
OVOS DE AVESTRUZ
 


 


MACACO

 
TUCANO
 

 
HIPOPÓTAMO

GAVIÃO
 
 
ANDANDO PELA PASSARELA NA QUINTA DA BOA VISTA




 
O AQUÁRIO
 

 
 
 
 
A FOCA . FEZ O MAIOR SUCESSO E CANTAMOS A MÚSICA DELA !
 
 
 
 
SAINDO DO ZÔO
 
 
FAZENDO UM LANCHINHO NO FINAL
 
 


 

 
 
 
 
 
APRESENTAÇÃO DE FINAL DE ANO














 
 



 


 
 

 
 
 

 

Bem vindo !!

Sejam bem vindos a esse blog que tem a intenção de compartilhar essas idéias, as quais podemos sempre transformar com muita criatividade!!!
Loading...

Seguidores

Quem sou eu

Minha foto
Pedagoga com habilitação em educação especial, pós-graduação em educação infantil, orientação educacional e pedagógica.Monografias: "Metodologia Teacch", "Teoria e Prática Construtivista" e "A Alfabetização e a Orientação Pedagógica". Cursos específicos na área de autismo: Metodologia Teacch e ABA. Experiência em educação infantil, ensino fundamental e em instituição para crianças com autismo. E o mais importante! Professora com muito orgulho! Se passar neste blog, deixe o seu recadinho! Beijos Karla